Como tirar seu Working Holiday Visa para a Nova Zelândia

postado em: Viagem | 41
Vir para a Nova Zelândia com um Working Holiday Visa é uma ótima forma de conhecer o país. É possível custear toda a viagem trabalhando e pode até sobrar uma grana para conhecer outros países se você for econômico. Neste post vou explicar como funciona este tipo de visto e dar algumas dicas para você conseguir o seu Working Holiday Visa para a Nova Zelândia.

 

Mount Cook Village
Mount Cook National Park – Meu primeiro local de trabalho na Nova Zelândia

O que é?

O Working Holiday Visa é um visto emitido pelo governo Neo-zelandês que permite permenecer no país por até 12 meses, podendo trabalhar ou estudar legalmente durante este período.

Este tipo de visto tem algumas limitações. Você pode trabalhar para mesma empresa por no máximo três meses, o que significa que quem vem para a Nova Zelândia com o Working Holiday Visa normalmente trabalha em áreas que têm demanda por trabalhadores temporários – notadamente colheita em fazendas, restaurantes, turismo e hotelaria ou construção civil.

O Working Holiday Visa para brasileiros tem um limite de 300 vagas por ano. Em geral as incrições abrem em agosto ou setembro em dia e horário informados previamente. Os primeiros 300 incritos levam as vagas que em geral esgotam em no máximo uma hora. (veja mais detalhes abaixo em “Como conseguir o Working Holiday Visa”).

 

Quem pode?

Qualquer brasileiro entre 18 e 30 anos é elegível. O que conta é o momento em que você aplica. Eu tinha 30 anos quando apliquei e quando cheguei aqui já tinha 31 anos. Se você ainda tem 17 anos terá que esperar até completar 18 anos para aplicar.

O visto é individual. Se você tiver amigo ou parceiro ele terá que ter seu próprio visto. Não é permitido viajar com crianças com o Working Holiday Visa.

Você precisará de 4.200 NZD para custear suas despesas no país. Após conseguir o visto, a única requisição é que você tenha uma passagem de volta ou o valor suficiente para comprá-la no futuro. Na prática, das pessoas que conversei e no meu caso, eles não pediram isso na entrada no país – O que não significa que não seja recomendável cumprir essa exigência.

Você precisa ter seguro viagem. (Confira minhas dicas sobre seguro viagem aqui).

Não ter recebido um Working Holiday Visa no passado. É só uma vez para a vida toda, portanto esteja certo de que vai utilizá-lo em até um ano. Mesmo que você não utilize seu visto, não poderá aplicar novamente no futuro.

 

Quanto custa?

O que você vai gastar é o valor da aplicação que é cobrado apenas se você conseguir uma vaga e um exame de Raio-X que é solicitado para brasileiros. Além destes, você precisará, obviamente, de uma passagem para a Nova Zelândia.

Esta é uma estimativa dos custos* envolvidos:

Taxa Visto – R$ 200 (Atualização: A facada agora é R$ 470)

Raio-X – R$ 180

Passagem – R$ 2600

*Preços baseados nos meus custos em 2016

 

Quanto eu posso ganhar e quanto eu vou gastar trabalhando na Nova Zelândia?

Essa é uma pergunta difícil de responder já que vários fatores influenciarão sua renda e seus gastos.

O salário mínimo na Nova Zelândia é hoje 15,25 dólares Neo-Zelandêses por hora. Vamos fazer as contas considerando a taxa de 1 dólar neozelandês para 2,24 reais. Supondo que você trabalhe 8 horas por dia, 5 dias por semana, você receberá por mês cerca de 5.500 reais. Deste valor 17,5% são retidos como imposto. Sobrando uns 4.500 reais no fim do mês.

Aí entram as despesas: O aluguel de um quarto fica entre 350 e 500 reais por semana. Com exceção do McDonald’s, comer na Nova Zelândia é consideravelmente mais caro. Os preços nos supermercados variam entre 30 a 90% mais caros que no Brasil, mas essa conta é muito complicada por ser algo bastante particular. Se você fuma, prepare-se. Uma maço de cigarros na Nova Zelândia custa pelo menos 50 reais.

Você pode economizar em tudo, mas provavelmente vai querer gastar uma parte do seu dinheiro viajando por esse lugar incrível.

 

Porter em hotel na Nova Zelândia
Meu primeiro trabalho foi em um hotel.
É possível conseguir um visto de trabalho depois do Working Holiday Visa?

É possível sim. Me ofereceram um visto de trabalho após três meses no meu primeiro emprego na Nova Zelândia e eu entrei com a solicitação enquanto ainda tinha o Working Holiday Visa. Isto não significa que é fácil, mas sim que você precisará de empenho e um pouco de sorte. Minha dica é não vir contando com isso, já que para a maioria das pessoas isso não acontece, mas existe sim a possibilidade de o seu empregador “patrocinar” o seu visto de trabalho.

 

Como conseguir o Working Holiday Visa

Veja o post explicando, passo a passo, como fazer sua inscrição e aumentar suas chances de conseguir seu working holiday visa para Nova Zelândia.

São apenas 300 vagas para brasileiros, portanto você precisa ser rápido para conseguir uma delas quando as incrições abrirem.

Se você acessar o site da imigração agora vera que o status é “Closed”. No dia e horário marcado as inscrições estarão abertas e os 300 primeiros que completarem o processo terão direito ao visto.

 

Em 2017 as incrições abrem no dia 22 de agosto às 10h (Horário da Nova Zelândia)

confira aqui.

 

Para preencher a inscrição você precisará primeiramente logar com a sua conta. A inscrição não pode ser preenchida previamente, mas você pode criar sua conta a qualquer momento. Faça isso previamente para economizar tempo, esta dica é importantíssima.

Crie sua conta nesta página.

Preencha todas as informações no formulário e prossiga.

Completando o formulário enquanto ainda existem vagas você será redirecionado para a página de pagamento. Pague a taxa com um cartão de crédito VISA ou Mastercard internacional. Você não precisa ser o titular do cartão. Se possível tenha mais de um cartão caso um deles não funcione.

Se tudo der certo você receberá a confirmação na tela e no seu e-mail. A partir daí restam apenas algumas etapas burocráticas, mas você já garantiu seu visto a menos que alguma condição de saúde apareça nos seus exames.

Considerando o número de interessados, muitas pessoas receberão a mensagem de que as vagas estão esgotadas antes de completarem a inscrição. Infelizmente não há o que fazer a não ser tentar no ano seguinte.

É normal a página carregar lentamente ou gerar diferentes erros, isso é causado pela sobrecarga do servidor. Não desista até conseguir seu visto ou ver uma mensagem de que as vagas estão esgotadas.

 

Pedalando na Nova Zelândia
Opções de lazer não faltam por aqui.
Quais são os próximos passos?

Você receberá um e-mail com instruções. Todos os brasileiros precisam fazer um exame de Raio-x do peito. Este exame deve ser realizado por um médico autorizado e enviado para a imigração. Você encontrará um médico autorizado nas principais capitais do Brasil (as informações estarão no e-mail que você receberá da imigração). O médico enviará o resultado através de um sistema específico e você só terá que aguardar. Em cerca de 10 dias você receberá seu visto.

A partir do recebimento do visto você tem um ano para entrar na Nova Zelândia. A partir da data da sua entrada no país o prazo de um ano do seu visto começa a contar. Se você não entrar no país em até um ano após a emissão o seu visto perde a validade. O visto permite multiplas entradas, portando você pode viajar para fora da Nova Zelândia quando quiser depois de entrar (dentro do prazo do seu WHV, obviamente).

 

cerveja no sol
Relaxando nos dias de folga.

 

Compartilhe este post:
Share on Facebook56Tweet about this on TwitterShare on Google+0Pin on Pinterest0Share on Tumblr0Share on StumbleUpon3Email this to someone
Seguir Rodrigo Belasquem:

Depois de algumas curtas viagens pela América do Sul achou que 10 dias não eram suficientes para conhecer muita coisa. Largou o emprego e viaja pelo mundo conhecendo lugares, pessoas e fotografando nas horas vagas (que são todas).

41 Respostas

  1. Olá Rodrigo, tudo bem?

    Eu e meu namorado estamos pensando em tentar o WHV em 2018. Cada um deve ter uma conta e fazer a sua aplicação, correto?

    Outra dúvida é sobre a data das inscrições. Hoje, no site, apenas diz que as inscrições serão reabertas em 2018. Como consigo ver a data específica?

  2. Eduarda Rodrigues

    Olá Rodrigo tudo bem? pretendo tentar o WHV ano que vem, mas estou com umas duvidas, desculpa se já for repetitivo para você.
    Qual o valor da taxa no ato da inscrição?
    E após eu fizer o pagamento e se por acaso eu não conseguir a vaga, esse dinheiro pago fica para o visto ou eu perco?
    Obrigada desde já.

  3. Bom dia, Rodrigo.
    Creio que perdi a inscrição para o Working Holiday Visa, pois entrei ontem no site e lá dizia que as mesmas abririam hoje, porém ao acessar o site agora, está informado que as inscrições estão fechadas e reabrem em 2018.
    Tenho cogitado muito a possibilidade de ir para a Nova Zelândia, sou engenheiro civil recém-formado (2015) e vi que existe um demanda por mão de obra dos mais diversos tipos no país. Você sabe se este processo costuma ser muito complicado? Também tenho como alternativa estudar no país (Master).
    É possível chegar no país um visto de turismo e ficar por três meses trabalhando com a intenção de arrumar um patrocinador? Ou isso é muito raro de acontecer?

    Obrigado desde já!

    Ciro

    • Oi Ciro,

      Sinto muito que você tenha perdido a data.
      Sobre outras maneiras de vir para cá, engenheiros civis estão na lista de “skill shortage” http://skillshortages.immigration.govt.nz/civil-engineer/. Isso facilita a obtenção de um visto, mas em geral você precisa primeiro da oferta de trabalho. Se você encontrar um anúncio de emprego e a empresa se interessar (a parte mais difícil não estando aqui), consiguir o visto não deve ser um problema.
      Chegar com visto de turismo para trabalhar não é uma opção, não existe circunstância onde isso seria aceitável. Provavelmente nenhuma empresa aceitaria e você estaria correndo sério risco de ser deportado do país – isso realmente acontece aqui.
      A opção de continuar sua educação na Nova Zelândia é a que te daria mais chances na minha opinião. Em algumas situações você tem o prazo de até 1 ano após concluir seu curso para trabalhar no país, além de certamente ser muito mais fácil encontrar um emprego estando aqui e criando sua rede de contatos.

      Boa sorte!

    • Rodrigo, tudo bem?

      Agradeço muito a sua disponibilidade do seu material e tudo que tens feito dentro aqui do site. Com ele CONSEGUI finalizar todo o processo de preenchimento e de pagamento de taxa, depois de estar tudo negado e ficar mais ou menos meia hora atualizando a tela ate conseguir (não sei se alguém desistiu ou não foi processado algum pagamento). Muito obrigado por todas as dicas, foram importantes para eu conseguir…e estava na mesma situação que a sua, já tenho 30 anos e apliquei já na ultima chance.
      Tenho uma duvida: apos passar de submeter o formulário e efetuar o pagamento, recebi um e-mail automático para fazer o exame medico. No dia seguinte eu fiz o exame, já recebi o resultado e tudo mais. Agora somente preciso esperar eles mandarem o visto? por que no meu login não tem nenhum lugar para anexar nada, nem pra mandar nada…somente esta escrito que o pagamento foi recebido, o formulário foi aplicado e quando entro no link esta escrito como pendente…eles mandam o visto automaticamente pelo meu login? Agradeço desde já a ajuda, muito obrigado !! Abraço Joao Carlos

      • Que bom que você conseguiu João Carlos. Deve ter sido uma agonia danada, mas fico feliz que tenha dado certo é que o post tenha ajudado um pouco nisso.

        Sobre a sua pergunta:

        Imagino que você tenha feito em um lugar com o Emedical (que envia seu exame automaticamente para a imigração). Neste caso você deve receber um email quando o seu exame for enviado para eles. O email vai dizer algo como “Health Results Submitted”. A partir dai eles vão analisar sua aplicação e depois enviar um email dizendo que o visto foi aprovado. A partir daí você pode acessar seu visto com o mesmo login e senha que fez a inscrição.
        Eu recebi o visto 10 dias depois de o exame ter sido enviado para eles pelo Emedical.

        Se você não receber a confirmação do envio do seu exame pelo Emedical, ligue para o médico para confirmar. Em geral não deve ser um problema.

        Parabéns pela vaga 🙂

        • Rodrigo, quanto rápido você é…cara, você é 100000….
          Isso mesmo, eu recebi no mesmo dia que fiz o exame o e-mail la da E medical ”Health Results Submitted”, com o resultado que esta tudo normal. Acredito que já foi enviado a imigração.
          Então pelo que entendi agora só esperar eles mandarem, ótimo, o processo é bem simples e nada burocrático.
          Amanha já completa 10 dias, então acredito que dentro de alguns dias eu já receba também.
          Que continue sempre com esse projeto e excelente blog, com certeza ajudará muitas pessoas. Parabéns por ele, vou estar acompanhando ele sempre !!
          Muito obrigado
          João Carlos

          • Haha! Às vezes sou rápido, mas não é regra.
            Exato! Se já recebeu essa confirmação, é só esperar. Em breve vai receber a resposta e seu visto estará disponível. Quando for viajar é só imprimir aquela página e pronto.

            Abraço!

  4. Willian Martinez

    Olá Rodrigo, gostaria de saber quando o visto começa a valer? Porque a minha viagem está programada para o começo do ano que vem, e se ele começar a valer agora vou perder 4 meses do visto.
    Aguardo resposta.
    ABS.

    • Oi Willian! O visto pode começar a ser usado dentro de um ano. Só quando você entrar no país o período de validade do visto começa a contar. Então, na prática, você teria até agosto de 2018 para entrar na Nova Zelândia e a partir do dia da sua entrada, você pode ficar um ano. No seu caso, se entrar em Janeiro de 2018, pode ficar até janeiro de 2019.

  5. Rodrigo Bom dia, eu ja tenho que ter passaporte para fazer a inscrição??? obrigada

  6. Renan Soares da Silva

    Oi tudo bem. Gostaria de saber como funciona , quando eu estiver lá na Nova Zelandia. Como residencia, onde procurar emprego, pq não vamos chegar lá sem nada e sair procurando, Como funciona esse processo.
    Parabéns pelo blog.

    • Oi Renan! Em geral o pessoal encontra empregos através de anúncios em sites como o trademe.co.nz
      Dependendo do emprego, pode ser que ofereçam moradia que você paga por semana, mas varia bastante. Algumas pessoas vêm para cá, viajam e vão procurando emprego ao longo do caminho, mas você pode sim pesquisar desde agora para ter uma ideia das opções.

  7. Boa noite.. por favor. Estou com uma dúvida quanto ao visto Working Holiday Visa será que vcs podem me ajudar ? No dia q abre a inscrição desse visto. Já tem que estar com as passagens compradas e comprovar os 4.200? Ou só depois de aprovado ?

  8. Eae Rodrigo beleza, gostei bastante da forma que voce explicou as informação, bastante diferente do normal e completa. Eu tenho uma duvidas, eu ja estou na nova zelandia, voce sabe que eu ja tenho que ter o exames de raio-x em maos no momento de aplicar? ou so depois de receber o email, desde ja agradeco.

  9. Olá Rodrigo, tudo bem? Estou turistando pela Nova Zelandia e estou completamente apaixonada pelo país, gostaria de saber se é possível tentar o working holiday estando já em solo neozelandês. Saberia me dizer? Obrigada!!!]

    • Oi Roberta! Você pode aplicar se já estiver aqui sim. A única diferença é que você vai precisar de um endereço na Nova Zelândia. Pode ser o endereço do Hostel/hotel que você estiver. Boa parte deles oferece um comprovante de que você está “morando” lá. Em geral é grátis ou custa algo em torno de 5 dólares. 🙂

  10. Ola Rodrigo , td bem? Primeiramente parabéns pelo blog!
    Atualmente estou na Australia como estudante ja tenho 1 ano aqui. Meu ingles é razoável para bom e gostaria de aplicar o WHV na nova zelandia para o ano que vem.
    A minha unica duvida eh realmente sobre esses 4200nz, quando e se realmente eu tenho que provar isso? Pq para vir para a Australia eu tive que comprovar algo parecido, e realmente me cobraram essa info.
    Desde ja agradeço a atenção!
    Um abraço!

    • Oi Lucas! Muita gente me pergunta isso. Essa é realmente uma exigência legal aqui. Porém não me pediram e também nao pediram para nenhuma das pessoas que conversei sobre WHV. Obviamente isso não significa que não irão pedir, mas a probabilidade é baixa.
      O que algumas pessoas fazem é pedir para algum familiar transferir uma grana para a conta até que eles estejam no país. Assim, você tem um extrato bancário para comprovar que possui o mínimo que eles pedem ao entrar na NZ.
      Espero ter ajudado.

      Abraço!

  11. Oi Rodrigo!
    Parabens pelo blog, adorei as informações!
    Quanto ao formulário que devemos preencher na solicitação do WHV, você se lembra quais informações eram exigidas?
    Quais documentos devo ter em mãos para agilizar o processo de preenchimento do formulário?

    Obrigada!

  12. Olá Rodrigo,gostaria de saber,se com um cartão pré-pago internacional a dollar americano,consigo pagar a taxa de inscrição do working holiday visa?
    Você tem outra sugestão,por pra dollar NZD e dificil achar desde já agradeço…

    • Oi Jefferson!

      A moeda do cartão não importa, mas não posso te garantir que seu cartão funcionará. Eu recomendo que você tenha algum outro de reserva caso um deles dê problema. É a única maneira de garantir que você não vai ficar de fora por causa do pagamento.
      Abraços!

  13. Fala Rodrigo, beleza?
    Parabéns pelo blog, muito interessante.
    Tenho algumas duvidas cara, você levou os 4.200 NZ? Estava dando uma olhada nos videos do pessoal que foram para ai e muitos nem chegaram a levar toda a grana e nem pediram na imigração, somente declararam aqui no Brasil.
    Quando foi você ja tinha ingles fluente? Demorou muito para conseguir um emprego?

    Obrigado pela atenção.
    Sucesso!!

    • Oi Leonardo!
      Que bom que gostou do blog, cara! 🙂
      Eu não levei não. Realmente não me pediram e nunca ouvi de ninguém que tenham pedido isso na imigração. Obviamente, é um requisito, então não dá pra garantir que não vão pedir, mas realmente é improvável que queiram ver qualquer coisa.
      Eu já estava viajando há um bom tempo, então meu inglês já era fluente sim. Porém trabalho com muita gente com diferentes níveis de inglês, o que acontece é que quem tem um inglês intermediário dificilmente vai conseguir um emprego trabalhando com atendimento ao cliente, por exemplo. Mas existem muitos outros trabalhos que não exigem um nível tão bom.
      Eu cheguei sem planejamento nenhum, então levei quase um mês para encontrar um emprego. Em boa parte, porque eu comecei procurando empregos mais relacionados com o que eu trabalhava antes. Depois de receber zero respostas, comecei a expandir o leque, haha. Minha recomendação é começar a pesquisar enquanto está no Brasil. Muitas vezes você consegue até agendar uma entrevista por Skype se for necessário. Na minha opinião, um mês antes da viagem é um bom prazo para começar a procurar, mas pesquisar as regiões e o mercado de trabalho antes só ajudam.

      Se tiver mais dúvidas pode mandar,

      Abraço!

  14. Bom dia Rodrigo, você sabe me dizer quanto tempo tenho,caso consiga o visto, para enviar meu exame de raio-x ? Ou se é possível fazer este exame nos Estados Unidos.

  15. Adorei seu blog Rodrigo!!!
    Tenho uma duvida…vc sabe me dizer algo sobre contratar servico de agencia para realizar essa inscrição? Existe agencias que fazem isso?
    Obrigada

    • Rodrigo Belasquem

      Oi Jessica!

      Desconheço esse serviço. De qualquer maneira, não tem nada que uma agência poderia fazer que você não possa. É apenas uma questão de ser rápida nas respostas e contar com a sorte. Infelizmente a seleção ainda é mais um questão de sorte do que qualquer coisa, já que são muitas pessoas para poucas vagas.

  16. Cristina Mendes

    Oi Rodrigo tudo bem? Na hora da inscrição já precisamos ter o seguro viagem, ou podemos adquiri-lo após confirmação de que ganhamos o visto?

    • Rodrigo Belasquem

      Oi Cristina!

      No momento da inscrição não precisa do seguro não. Você vai precisar apenas do seu passaporte válido.
      Passagens e seguros você pode comprar após estar com o visto na mão e não precisa enviar para ninguém.

  17. Débora Américo

    Oi Rodrigo,

    tudo bem?
    Meu nome é Débora, tenho 30 anos (faço 31 em dezembro) e vou aplicar pro working holiday visa este ano. Eu li ali que tu entrou com 31 anos já feitos, queria saber se caso meu visto seja aceito, eu poderia por exemplo viajar em junho/18. Tu conhece outros casos de galera q entrou na NZ com este visto e com 31 já feitos?

    Obrigada,

    • Oi Débora!

      Se as regras não forem alteradas, você poderá entrar até um ano depois que seu visto for emitido – provavelmente início de setembro de 2018. Conheço sim outras pessoas que entraram já com 31, não há problema algum.

  18. Voce ja conheceu outros programas de outros paises?

    • Allen, que eu saiba o único país com Working holiday visa para brasileiros é a Nova Zelândia. Outros países oferecem algumas opções para conciliar estudos com trabalho. Estes incluem Irlanda, Austrália, Estados Unidos e Canadá. Cada um deles com condições diferentes.

Deixe uma resposta