O Chicote de Páscoa

postado em: Europa, República Checa | 3

Depois de Dresden eu deixei a Alemanha em direção a República Checa. Mais uma vez usei o BlaBlaCar pra encontrar uma carona e acabei indo com dois checos até Praga.

No caminho conversamos bastante sobre o passado da República Checa, viagens e, como próximo fim de semana seria de páscoa, chegamos nesse assunto. Eles me contaram quais eram as tradições no país para o dia (dois dias na verdade, segunda também é feriado). A principal delas é de pintar ovos, o que é bastante comum em vários países, mas a que eu achei estranha é que “chicotear” as mulheres faz parte do ritual de páscoa.

Pomlázka - By Josef Plch (Own work) [Public domain], via Wikimedia Commons
Pomlázka – By Josef Plch (Own work) [Public domain], via Wikimedia Commons
Eu achei que era algum tipo de brincadeira até perguntar pra outras pessoas e pesquisar na internet pra confirmar a verdade. O que eles fazem é preparar esses chicotes de ramo de salgueiro chamados “Pomlázka“, na segunda-feira de Páscoa os homens batem nas mulheres para – segundo a lenda – dar um ano de beleza, fertilidade e boa sorte a elas. Em agradecimento (!!!) as mulheres dão os ovos pintados, doces ou bebida alcoólica dependendo da idade do marmanjo.

Apesar de se encontrar Pomlázkas para vender por toda Praga, a tradição é mais comum nas pequenas cidades. Por lá não é estranho na segunda feira de páscoa bater na irmã, na mulher do amigo e na avó. Agora estou na Polônia e a tradição na segunda feira de páscoa aqui é de jogar água uns nos outros. Melhor para as mulheres, pior para o celular no seu bolso.

Compartilhe este post:
Share on Facebook15Tweet about this on TwitterShare on Google+0Pin on Pinterest0Share on Tumblr0Share on StumbleUpon0Email this to someone
Seguir Rodrigo Belasquem:

Depois de algumas curtas viagens pela América do Sul achou que 10 dias não eram suficientes para conhecer muita coisa. Largou o emprego e viaja pelo mundo conhecendo lugares, pessoas e fotografando nas horas vagas (que são todas).

3 Respostas

  1. Pensado bem , melhor para as mulheres daí, a intenção e outra, infelizmente em nosso país , o chicote existe mas sim, mas bem real e cruel! Adorei saber!! Belas aventuras!

  2. Aiiii meu pai. Graças a Deus não nasci nesse lugar. E também nunca vou querer passar a páscoa aí. Já pensou apanhar de um estranho?! De mim ele não ia receber agradecimentos não! Hahahaha

    • Depois disso eu descobri que na Eslováquia é quase o mesmo, mas antes de bater nas mulheres eles jogam a água. Aparentemente as meninas mais novas até gostam, é uma maneira de saber se os meninos estão interessados. Se ele bateu na tua porta é porque lembrou de ti. Uma guria que eu conheci disse que é até comum na escola as meninas se vangloriarem de quantas “chicotadas” tomaram. hahaha.

Deixe uma resposta